Tarifa no Ceará pode ter aumento médio de 11,62% com revisão tarifária

Data: 22/01/2019 - 16:10

business-163464_960_720

A proposta de revisão tarifária da Enel Ceará prevê aumento médio de 11,62% a partir de 22 de abril. O número é preliminar, já que o processo passará por audiência pública na página da Agência Nacional de Energia Elétrica de 23 de janeiro a 9 de março, com reunião prevista para 14 de fevereiro em Fortaleza.

Pelos dados da Aneel, os custos de distribuição tem peso de 4,21% no índice. O gasto com compra de energia também aparece com destaque, com 5,31%, em razão da correção da receita das usinas em regime de cotas.

A tarifa também vai refletir o repasse de 6,16% em componentes financeiros do último período tarifário, que serão repassados aos consumidores nos próximos 12 meses. A variação do custo da energia aparece como um item importante dentro desse custo, com 3,59%, pelo maior acionamento de usinas térmicas. O risco hidrológico teve peso de 1,91%.

Também ficará em audiência pública a proposta com os limites dos indicadores de qualidade DEC e FEC, que medem a duração e a frequência das interrupções no fornecimento de energia, para o período de 2019 a 2023. A distribuidora atende 3,5 milhões de unidades consumidoras no estado do Ceará e tem receita anual de R$ 4,6 bilhões.

 

Fonte: UDOP